quarta-feira, 16 de Julho de 2014

Giveaway de verão - Boa memória

E, como se lembram o meu blog realizou uma parceria com o Monte Seis Reis.
Com o verão apetecem as tardes longas com um bom petisco e um bom copo de vinho numa melhor companhia...
Em conjunto decidimos lançar um giveaway de verão para poder proporcionar um dia inesquecível!


As regras de participação são:
  1. Ser residente em portugal (Continental ou Ilhas) ou ter morada em Portugal para onde possamos enviar a oferta;
  2. O sorteio começa no dia 16 de julho e termina no dia 23 de julho às 23:59;
  3. As participações que não respeitem as regras não serão contabilizadas;
  4. Podem partilhar o passatempo uma vez por dia e deixa na aplicação o link da partilha, aumentando a probabilidade de ganhar este prémio;
  5. O sorteio será realizado a partir da aplicação Rafflecopter, aleatoriamente;
  6. O vencedor do sorteio será anunciado nas páginas Tertúlia da Susy Monte Seis Reis Vinhos;
  7. Fazer gosto na página da Tertúlia da Susy;
  8. Fazer gosto na página do Monte Seis Reis Vinhos;
  9. Partilhar a publicação do giveaway em modo público, através da página Tertúlia da Susy ou da página  Monte Seis Reis Vinhos;
  10. Comentar a publicação do giveaway (clique aqui) com o nome de 3 amigos;
E, para mais tarde recordar, oferecemos um Boa Memória Branco!




terça-feira, 15 de Julho de 2014

Workshop de Peixe - Peixaria Centenária

No dia 11 de julho fui a uma MasterClass na Peixaria Centenária, que contou com a presença do Henrique - o fornecedor de peixe dos Açores (Seaexpert-Consultoria na área das Pescas).


Assim que cheguei fui logo muito bem recebida pela Joana e pelo Rui (dois dos sócios) que me puseram logo à vontade e que são muito bem dispostos e "boa-onda".
A seguir a mim, chegou logo a Ana Maria (com uma bebé linda), seguida da Mónica (mãe da Matilde de 5 anos que adora peixe) e da Inês (moradora daquele bairro).
A Tânia (mulher do peixe) e o Filipe (outro sócio) estavam de volta da bancada do peixe e só mais tarde puderam juntar-se ao grupo, mas super simpáticos e também muito "boa-onda".
Estava então o grupo a conhecer-se e o Rui a dizer que o Henrique estava um pouco atrasado, quando este chegou, dizendo que esta cidade era um caos!!!
Logo foi dado inicio à MasterClass, onde foi feita uma introdução sobre os peixes que estavam na bancada e colocadas algumas dúvidas pertinentes sobre o peixe.
O Henrique, a Tânia e o Filipe ensinaram-nos a escolher o peixe e a reconhecer a sua frescura, analisando algumas características.


Cada uma das quatro participantes escolheu um peixe e pôs mãos à obra, começando por decidir o que ia fazer com esse peixe - grelhar, cozer, assar - para então o arranjar dessa forma.


Eu escolhi um Bagre dos Açores, porque não conhecia e nunca tinha comido e decidi escalá-lo para grelhar.


A minha MasterChef Tânia, sempre ao meu lado, a ensinar-me algumas técnicas... 


Começando... a cortar as barbatanas!



De seguida com o escamador (que eu adorava ver as peixeiras fazerem quando ia ao mercado com a minha mãe!)


Vá lá Susana, mais um pouco... 


A Tânia a dar mais umas dicas...



E, terminando com o peixe já escalado... é só lavar!


Serviço terminado e "ensacado"!


Só vos posso dizer que isto é mais difícil do que parece!!!


Convido-vos a visitarem a  Peixaria Centenária e a participarem numa MasterClasse, que é bem divertida e educativa.
Passei um fim de tarde muito agradável na companhia de pessoas muito simpáticas e bem dispostas e... claro levei o Bagre comigo para casa.

segunda-feira, 14 de Julho de 2014

Brioche de arroz


A farinha de arroz é conhecida por sua fácil e rápida digestão no organismo, muito superior à do amido de milho, o que torna a farinha de arroz especialmente indicada para alimentos infantis, idosos e pessoas com necessidades especiais de alimentação. Pode substituir a farinha de trigo em quantidades iguais. 


Ingredientes
350ml de água
15g de manteiga derretida
400g de farinha
100g de farinha de arroz
1 colher chá de sal Marnoto by Necton
1 colher sopa de açúcar
1 pacote de levedura liofilizada

Ingredientes
Coloque todos os ingredientes na cuba da máquina, começando pelos ingredientes líquidos.
Seleccione o programa normal.


Tempo de preparação: 1h 30minutos
Dificuldade: fácil (*)
Vegetariano: não
Para crianças: sim
Ingrediente principal: farinha
Quantidade: 20 fatias

sexta-feira, 11 de Julho de 2014

Costeletas de borrego com espargos


Uma carne que o meu marido gosta muito é a de borrego e, combinada com espargos é ouro sobre azul.
Os espargos são muito caros mas, de vez em quando temos que "fechar" os olhos e mimar o nosso amorzinho. 


Ingredientes
15 costeletas de borrego
Mistura de especiarias
1 molho de espargos

Preparação
Tempere as costeletas de borrego com a mistura de especiarias e deixe a tomar gosto durante 2 horas.
Grelhe as costeletas.
Coloque água num tacho e leve ao lume; quando estiver a ferver, adicione os espargos durante 2 minutos. Retire-os e grelhe-os com um fio de azeite.


E, uma refeição para ser completa tem que ser acompanhada de um bom vinho e de uma bonita apresentação, não acham?
Eu aconselho a acompanharem a refeição com um Monte Seis Reis Syrah 2008, servido a uma temperatura de 16-18ºC e, se possível decantado e servido numa tábua Gradirripas.


Tempo de preparação: 2 horas e 30 minutos
Dificuldade: fácil (*)
Vegetariano: não
Para crianças: sim
Ingrediente principal: costeletas de borrego e espargos
Quantidade: 2 pessoas


quinta-feira, 10 de Julho de 2014

Parceria Gradirripas

E mais uma vez o meu blog teve a sorte de estabelecer uma parceria com uma excelente empresa bem portuguesa - a Gradirripas.


É uma empresa familiar, propriedade da família Violante, oriunda de Pernes, concelho de Santarém, situada bem no centro do país. Com ligações ao sector há já dois séculos, os actuais proprietários fazem parte da quinta geração de uma família tradicionalmente ligada à produção de artigos em madeira. Um saber que remonta aos finais do século XIX, quando Manuel dos Santos Violante trabalhava a madeira como uma verdadeira arte.

A sociedade com a actual designação de Gradirripas – Artigos em madeira Lda., foi constituída em 2006 e dedica-se, sobretudo, ao fabrico de caixas em madeira para vinhos e produtos gourmet, bem como à produção de artigos em madeira para cozinha e pequeno mobiliário.


A madeira utilizada no fabrico dos artigos provém, essencialmente, de pinhais da região centro de Portugal, adquirida a produtores que asseguram a sustentabilidade das florestas. Para tal, são feitas novas plantações em substituição das árvores abatidas para a indústria. 

A Gradirripas só adquire madeira a fornecedores devidamente legalizados, sujeitos a fiscalizações periódicas no que respeita à origem da madeira e ao controlo do nemátodo do pinheiro. A madeira é sujeita a secagem em estufa, onde permanece o tempo necessário para garantir um produto de qualidade, isento de humidades e do vírus do nemátodo, que tem atingido as florestas portuguesas. A madeira trabalhada pela Gradirripas é devidamente identificada através do passaporte fitossanitário, que acompanha cada lote de matéria-prima adquirido.

A Gradirripas conta actualmente com 10 colaboradores experientes, especializados nas diferentes fases do trabalho da madeira. A qualidade do produto final é reconhecida no mercado nacional e internacional, em particular no Reino Unido. É para este país que se destina a maior parte da produção, em especial tábuas Jamie's Italian, marca sob a qual o conhecido cozinheiro Jamie Oliver comercializa a sua linha de utensílios de cozinha.

quarta-feira, 9 de Julho de 2014

Queques de fiambre e bacon

Tem crianças em casa? Tem fiambre ou outro produto de charcutaria quase fora de prazo?
Rápido de preparar, para as crianças ajudarem e delicioso para os lanches, elas vão adorar!


Ingredientes
100g de fiambre
100g de bacon
200g de farinha
50g de margarina
2 ovos
1,5dl de leite
1 colher (chá) de fermento em pó
1 pitada de sal

Preparação
Untar forminhas com margarina e polvilhar com farinha. Reservar.
Ligar o forno a 180ºC.
Numa tigela, bater os ovos com o leite, a margarina amolecida e o sal.
Juntar a farinha e o fermento e misturar bem.
Misturar depois o fiambre e o bacon cortado em pedaços muito pequenos.
Distribuir pelas forminhas e levar ao forno cerca de 25-30minutos.
Desenformar e servir.


Tempo de preparação: 45 minutos
Dificuldade: fácil (*)
Vegetariano: não
Para crianças: sim
Ingrediente principal: fiambre e bacon
Quantidade: 20 queques

terça-feira, 8 de Julho de 2014

Galette integral de abóbora e canela

Adoro sobremesas que levem abóbora e descobri estes pedacinhos no congelador, aproveitei logo para me deliciar.
A abóbora tem um sabor adocicado e que combina muito bem com canela, que eu adoro.
As sementes de abóbora são uma grande fonte de ácidos gordos essenciais, com efeito anti-inflamatório e regulador da produção de DHT. 
É uma boa fonte de proteínas e contém vários minerais com efeito anti-oxidante, anti-inflamatório e regulador do sistema nervoso.
A canela tem propriedades antifúngicas, antibacterianas, anti-parasitas, anti-inflamatórias, auxilia a memória e ajuda a diminuir o colesterol LDL (mau).


Massa
230g de farinha de trigo integral
1 colher (chá) de sal Marnoto by Necton
100g de manteiga sem sal fria
50g de água gelada
farinha para polvilhar
pelicula aderente

Preparação da massa
Numa tigela grande misture bem a farinha e o sal mexendo com um garfo. Envolva a manteiga na farinha utilizando para o efeito um robot de cozinha ou umas varas até a massa atingir uma textura semelhante a areia grossa.
Adicione a água. A água para a massa quebrada deve estar gelada, por isso encha um copo com água e gelo antes de começar a fazer a massa. Adicione gradualmente a água e pare assim que a massa tenha humidade suficiente para se manter junta quando a apertar. Em vez de mexer a massa utilize um garfo para empurrar e desfazer a massa contra as paredes da tigela, para que a massa fique macia.
Termine a massa. Transfira a massa quebrada para uma superfície enfarinhada e forme uma bola (cuidado para não a trabalhar demasiado). Envolva com película aderente e coloque no frigorífico durante pelo menos 30 minutos para que a manteiga ganhe alguma firmeza e o glúten relaxe.
Está pronta a usar.


Creme
300g de abóbora limpa
2,5dl de água
1 pau de canela
75g de açúcar
1 colher (sopa) de maisena
Raspa 1 laranja
2 ovos
20g de manteiga derretida
canela em pó Suldouro

Preparação do creme
Num tacho, coza a abóbora, já partida em pedaços, na água temperada com o pau de canela; retire e escorra.
Coloque a abóbora cozida sobre um pano de cozinha e esprema-a bem, retirando toda a água.
Numa tigela, junte a abóbora com o açúcar, a maisena e a raspa de laranja. Mexa bem e junte os ovos um de cada vez, envolvendo bem entre cada adição. Adicione a manteiga derretida e mexa de novo; reserve.

Montagem
Ligue o forno a 200ºC.
Estenda a massa num círculo até obter uma espessura fina e preencha-a com o creme de abóbora.
Polvilhe com canela em pó e leve ao forno por 30 minutos, deixe arrefecer um pouco e sirva.


Tempo de preparação: 1 hora e 30 minutos
Dificuldade: médio (**)
Vegetariano: não
Para crianças: sim
Ingrediente principal: abóbora
Quantidade: 15 fatias